Home

Área Restrita

Últimas Notícias

Serviços Públicos

Certidões

Situação Cadastral

Formulários

Contatos

Ninguém se importa como o dono se importa.

PENSE NO QUE VOU TE DIZER:
Eu quero provar que essas pessoas estão erradas. Eu quero criar uma empresa onde todos trabalham duro e se importam com a empresa; onde as pessoas se sentem a vontade em trabalhar; e não se sentem motivadas a roubar ou faltar. Se eu não puder ter esse tipo de empresa, eu não quero ter empresa nenhuma.
Ninguém se importa como o Dono se importa porque o Dono não deixa todos se importarem como ele se importa.

Você já viu como uma mãe de primeira viagem trata a divisão entre o stress da carreira e a preocupação com os filhos? Ela simplesmente não consegue separar as coisas. Ela reclama da falta de envolvimento do maridão, da babá e da vovó no cuidado com os seus filhos , mas ela também não consegue delegar o simples ato de escolher a roupa dos filhos.

Quando a mãe de primeira viagem se sentir confortável ao ver os filhos usando roupas que ela não escolheu, ela terá superado um grande obstáculo em sua vida.

O mesmo acontece com o empreendedor.

Todas as escolas convencionais dizem que administração é sobre planejar, organizar, executar e controlar as coisas. As escolas dizem que se você fizer bem essas funções você terá uma grande empresa.

Quando você reune os seus diretores para PLANEJAR o futuro da empresa, os funcionários passam a acreditar que não tem que planejar nada, o chefe vai planejar tudo para eles.

Quando você reune os seus funcionários para uma reunião onde todos tem que dizer o que cada um está fazendo, você está dizendo a todos que não confia em ninguém. Você está dizendo que o seu trabalho é CONTROLAR a empresa porque acredita que eles não são ORGANIZADOS o suficiente para EXECUTAR o que tem que ser feito.

Se você quer ter uma empresa onde todos se importam como o dono se importa, você precisa rasgar todos os manuais de administração que você conhece. Nenhum deles ensina como construir uma cultura matadora em uma empresa, muito menos como conscientizar os funcionários sobre o que tem que ser feito, ou treiná-los a lidar com autonomia, ou atrair as melhores pessoas. Todos os manuais de administração estão desatualizados, bem como seus professores e escolas. Pule fora imediatamente!

Antes que você comece a me xingar, olhe o quanto as seguintes afirmações parecem estúpidas, burras e imbecis:

"Eu quero controlar a minha empresa!", Você quer controlar a sua empresa? O que você quer controlar? Você quer controlar as pessoas? Você quer controlar o horário que elas chegam, o que elas fazem e como fazem? Tá brincando! Você quer controlar os clientes e fornecedores? Você só pode ter fumado alguma coisa! Você quer controlar o futuro, o clima e a vida das pessoas? Bebeu todas! Só imbecil vai trabalhar para alguém assim.

Você não consegue nem fazer os seus funcionários trabalharem por livre e espontânea vontade durante esse pseudo-feriado chamado Carnaval mesmo tendo toneladas de trabalho para fazer, e você ainda quer controlar alguma coisa? Você acha mesmo que essa falta de comprometimento é consequência da falta de controle sobre as pessoas?

"Eu quero organizar a minha empresa!", O que você pensa que vai conseguir organizar?? O departamento de Organização e Métodos foi enterrado, morto e sepultado duas décadas atrás por falta de quórum. Nem as máquinas você consegue organizar, quanto mais os seres humanos e suas emoções inesperadas. Você quer organizar o processo de vendas? Hahahaha. Você quer organizar o processo de marketing? Hahaha. Você quer organizar o processo de contratar pessoas? Hahaha, somente a Catho está com 180 mil vagas de trabalho abertas e não preenchidas.

"Eu quero planejar a minha empresa!", Tá zoando comigo? Você realmenta acredita que 150 pessoas vão seguir um plano de 20 páginas feito no final de semana pelos diretores e seus smartphones? Seja sincero! Você mesmo sabe que não consegue seguir plano nenhum. O que a turma consegue mesmo seguir é o chicote da planilha eletrônica com as metas que ninguém sabe ao certo como consegue atingir. Só o Padre Cícero sabe como.

"Eu quero executar tudo que foi combinado na minha empresa!", Agora você só pode ter ficado maluco. Você realmente acha que vai rolar? Não rola nem aí e nem aqui. A nossa cabeça é muito mais produtiva que os nossos braços. Papel aceita qualquer coisa. A realidade é diferente. Leva 20 anos para um grande sonho virar realidade; quanto mais a "idéia da semana" .

Quem aqui não conhece alguma empresa que é movida pela "idéia da semana"? O diretor lê na Revista Exame que o Zé Mané tá fazendo Twitter, e manda a empresa inteira implementar o Twitter em 5 dias.

Só tem maluco!

Rasga tudo!!!

Vamos rebutar a "argh" Administração!

Em novembro de 2009, uma pequena grande empresa de São Caetano do Sul em São Paulo rebutou tudo que você conhece sobre administração de pessoas e empresas.

Você está pronto para conhecer uma das idéias mais malucas que você já ouviu na vida? Uma idéia fascinante que você JAMAIS irá ouvir da boca de um teórico da administração que acredita em planejar, controlar, executar e organizar.

Então lá vai.

Em Novembro de 2009, Edson Pavoni e João Marcos de Souza, os dois sócios da pequena grande D3 Estúdio de Mídia Interativa, resolveram fechar o escritório da empresa em São Caetano do Sul em São Paulo e transferir tudo que eles tinham aqui + todos os funcionários com todas as despesas pagas para um apartamento no Harlem em Nova Iorque. Durante os 30 dias de Novembro, eles conviveram juntos, trabalharam juntos, experimentaram grandes sensações em Nova Iorque sem qualquer queda no rendimento do trabalho, pelo contrário.

O experimento tinha alguns objetivos: (1) provar a todos que é possível trabalhar de qualquer lugar no planeta sem qualquer tipo de organização e métodos, (2) proporcionar a equipe de profissionais uma experiência de vida única sem qualquer tipo de pré-controle sobre suas vidas, (3) estabelecer novos contatos e networking com a gringolândia sem qualquer tipo de planejamento prévio sobre onde poderiam chegar com tais parcerias, (4) aproximar o trabalho da agência do trabalho desenvolvido nos EUA sem qualquer tipo de paranóia sobre execução.

Eles atingiram todos esses objetivos.

A experiência deu tão certo que eles já soltaram um desafio público para toda a comunidade que seguem os seus trabalhos: "Para onde vocês querem que a D3 se mude em 2010?".

Que tipo de cultura empresarial você pensa que o Edson e o João estão conseguindo criar em uma empresa que realiza tamanho empreendimento?

Quem não gostaria de trabalhar em uma empresa que leva os seus funcionários para Nova Iorque por 30 dias para se entretar e trabalhar?

Quem não confiaria na visão de negócios dos líderes de uma empresa como essa?

Quem não se sentiria orgulhoso de fazer parte da equipe da D3 que foi para Nova Iorque e agora tem dezenas de belas histórias para contar para os novos funcionários que estão chegando?

Todos os funcionários que viveram essa experiência serão eternamente gratos ao Edson e ao João pela oportunidade. Todos estão trabalhando duro como o Edson e o João trabalham. Todos se sentem em dívida, todos se sentem parte do sonho dos caras, todos se sentem reconhecidos, todos sentem que tem a oportunidade profissional de suas vidas nas mãos e não podem perdê-la.

A D3 é diferente em tudo. A começar pelo nome. D3 significa Deus elevado a terceira potência: Pai, Filho e Espírito Santo. Edson e João são cristãos de carteirinha, e procuram aplicar nos negócios e nas pessoas que se relacionam com eles tudo que acreditam sobre como tratar os outros como gostariam de ser tratados. Você já viu algum consultor convencional de administração recomendar a um empresário que ele misture suas crenças com os negócios? Eu imagino que não.

Tá todo mundo obsoleto!

As "doideras" da D3 não param por aí.

O trabalho dos caras é ajudar as empresas a criar web sites fantásticos que levem os seus visitantes a terem uma experiência web que nunca tiveram antes. Como você pode imaginar, com tantos web sites pipocando por aí, a realização de tal feito é meio difícil. A começar pela dificuldade de encontrar material humano capaz de criar maluquices fantásticas na web. Falta mãos e cérebros para realizar tal obra.

Como a D3 resolveu esse problema?

Baseada no princípio que diz "Não é possível ser bem sucedido em um país que não é bem sucedido", a D3 criou a D3 Academy.

O que é a D3 Academy?

O D3 Academy é um estágio & treinamento onde os caras bancam três meses de aprendizado para os candidatos a funcionários. Durante 90 dias o cidadão aprende a ser um animador que programa e um hard coder avançado. Ao final do período, se o cara foi bem, se a turma da D3 gostou do cara, o treinando tem a chance de ser efetivado como funcionário.

A D3 não é uma grande empresa. Eles não tem dinheiro saindo pelo ladrão. O D3 Academy e os 30 dias em Nova Iorque são iniciativas tradicionalmente acessíveis apenas para as grandes empresas. Entretanto, a D3 prefere investir nas pessoas e em um método não convencional de administrar a empresa ao invés de investir em controles, organizações, planejamentos mil e execuções descabeladas.

Quem não gostaria de trabalhar em uma empresa que paga para te atualizar sobre técnicas avançadas que te farão necessário e útil no século 21?

Quem não gostaria de trabalhar em uma empresa que pensa na evolução da comunidade e não apenas na evolução do próprio umbigo?

Aposto que você gostaria.

Aposto que você trabalharia por livre e espontânea durante o feriado de Carnaval se encontrasse um lugar assim.

É ou não é?

NADA MENOS QUE ISSO INTERESSA.

Foi para isso que eu vim! E Você?

Mais Notícias

CUIDADOS FISCAIS NA VENDA DE MERCADORIAS E PRODUTOS: CUIDADOS FISCAIS NA VENDA DE MERCADORIAS E PRODUTOS

Legislação sobre folgas para quem trabalhar nas eleições.: Legislação sobre folgas para quem trabalhar nas eleições.

Cármen Lúcia alerta para : Cármen Lúcia alerta para

Confaz regulamenta ICMS de importados: Confaz regulamenta ICMS de importados

Receita exige documento digital para empresas: Receita exige documento digital para empresas

CONTALEX É PREMIADA COMO DESTAQUE NACIONAL 2013: CONTALEX É PREMIADA COMO DESTAQUE NACIONAL 2013

EMPREGADO DOMÉSTICO 2013 - ALTERAÇÕES: EMPREGADO DOMÉSTICO 2013 - ALTERAÇÕES

REGULARIDADE DE IMÓVEIS RURAIS NOS ORGÃOS AMBIENTAIS: REGULARIDADE DE IMÓVEIS RURAIS NOS ORGÃOS AMBIENTAIS

DEFENDA-SE!: 10 DICAS DE SEGURANÇA NA INTERNET

CONTRIBUIÇÕES PREVIDENCIÁRIA PROFISSIONAL LIBERAL: CONTRIBUIÇÕES PREVIDENCIÁRIA PROFISSIONAL LIBERAL

Recolhimento de tributo não impede ação penal: Recolhimento de tributo não impede ação penal

BENEFÍCIOS À PACIENTES PORTADORES DE DOENÇAS CRONICAS: BENEFÍCIOS À PACIENTES PORTADORES DE DOENÇAS CRONICAS

A gestão de custos na pequena empresa : A GESTÃO DE CUSTOS NA PEQUENA EMPRESA

REFLEXÃO - IMPOSSIVEL É CAPAZ!: REFLEXÃO - IMPOSSIVEL É CAPAZ!

Diálogo entre o vento e o mar, um paradigma contábil: DIÁLOGO ENTRE O VENTO E O MAR, UM PARADIGMA CONTABIL

Gestão Empresarial: Fidelização de clientes

PREVIDÊNCIA: PREVIDÊNCIA

CONTABILIDADE: CONTABILIDADE

ICMS - COMPENSAÇÃO COM PRECATÓRIO: ICMS COMPENSAÇÃO COM PRECATÓRIO

LEGISLAÇÃO E TRIBUTOS: CONTRIBUIÇÕES PREVIDENCIÁRIA.

Contalex Consultoria Empresarial

Av. Presidente Roosevelt, 296  -  CEP 17501-480  -  Marília-SP

Fone: (14) 3413-2396  -  Fax: (14) 3454-4424  -  E-mail: contalex@econtalex.com.br

Área exclusiva para clientes Contalex.

Login:

Senha:

Bem vindo a Contalex!

O seu escritório VIRTUAL!